Venha para Itacaré na Bahia (73) 9 9825-4455    (73) 3251-2527
Início Quartos Atrativos Como Chegar Reservas Blog Fale Conosco
Faça sua reserva
 

Dicas e Novidades

Tudo que você precisa para se divertir em Itacaré

Trilha para a Praia de Jeribucaçu
Jeribucaçu é parte do conjunto de praias mais selvagens de Itacaré. E para chegar até ela, só mesmo botando o pé na trilha. O acesso não é difícil, mas exige uma caminhada de meia hora que pode ser feita com ou sem o auxílio de um guia. A trilha tem início depois de 4 km de estrada de terra a partir da BA-001, onde os carros ficam parados em estacionamentos particulares. O lugar não é difícil de ser encontrado, mas será necessário usar um meio de transporte até a entrada da trilha. O percurso da trilha tem duração de meia hora e é de nível fácil a médio. O passeio para Jeribucaçu pode ser aliado à trilha para a Cachoeira da Usina, que tem acesso a partir da praia. Nesse caso, serão mais quarenta minutos caminhando pela mata até a cachoeira. Para quem não pretende fazer a trilha até a cachoeira, não há necessidade da contratação de guias. O tour, sem a cachoeira da Usina, tem custo entre R$ 45 e R$ 60. Vale dizer que a Cachoeira da Usina pode também ser visitada por uma trilha de apenas quinze minutos a partir da BA-001, não sendo obrigatória a contratação do passeio vinculado à Praia de Jeribucaçu.
Trilha da Prainha e Praia de São José
A Prainha está entre as mais impressionantes praias de Itacaré. Com lindo mar, cercada de coqueiros e paisagem quase virgem, a Prainha é destino certo dos turistas que desejam um pedacinho de paraíso. Para chegar até lá, o caminho mais conhecido é a Trilha da Prainha. Com 40 minutos de duração, a trilha parte da Praia da Ribeira e segue por dentro da Mata Atlântica até alcançar novamente o mar. Logo depois da Prainha, o percurso segue ainda até a Praia de São José, que não fica atrás em beleza. Na Prainha, há um pequeno quiosque que serve comidas e bebidas básicas. Já na Praia de São José, há um restaurante bem completo, com direito a piscina à beira-mar. O Restaurante Grauçá é um ótimo programa para o almoço e também para o final de tarde. A Trilha da Prainha pode ser feita com ou sem o auxílio de uma agência ou guia particular. Apesar de ser um caminho fácil, é comum ouvir na cidade que há incidentes de assalto aos turistas no percurso. Até o ano 2013, os crimes eram mais comuns. Hoje, os registros de assalto são bem menores, mas a fama permanece. Caso não sinta segurança em fazer a trilha sozinho, contrate uma agência ou um guia. O custo do guia particular, por pessoa, é de R$ 20, enquanto o passeio com agência tem custo de R$ 60. Ainda que a trilha seja a maneira mais comum de chegar à Prainha, há uma maneira pouco conhecida que é bem mais fácil e rápida de ir até lá. Para isso, basta pagar o day use do Restaurante Grauçá, localizado dentro do Condomínio Villa de São José. Dentro do condomínio, há uma pequena trilha de apenas dez minutos que leva até a Prainha. Você poderá fazer o percurso em total segurança e em bem menos tempo. O custo do day use é R$ 60 por pessoa, revertido em consumação no restaurante. É obrigatória a reserva antecipada por telefone (73 98854-5989) para poder entrar com o carro no condomínio. O passeio para a Prainha e a Praia de São José, com o day use, também é oferecido por algumas agências.
Trilha das Quatro Praias
Principal percurso a pé em Itacaré, a Trilha das Quatro Praias percorre algumas das mais lindas porções de areia da cidade. O trajeto, com 4 km de caminhada, começa à beira da BA-001 (acesso de carro, ônibus ou táxi) e segue rumo à Praia da Engenhoca, Praia Havaizinho e Praia da Camboinha, até terminar na Praia de Itacarezinho. O passeio dura o dia todo e pode ser feito com agência ou por conta própria. O custo médio da trilha, em agência, é de R$ 65 por pessoa. A Trilha das Quatro Praias tem nível fácil de dificuldade e há boas paradas para apreciar a vista e curtir um banho de mar. Se o pique não permitir, vale fazer apenas uma parte da trilha. Durante o percurso, há alguns quiosques improvisados que oferecem comida e bebida. Ao final, na Praia de Itacarezinho, um delicioso restaurante com excelente infraestrutura aguarda os turistas para fechar bem o dia. Sente-se em uma das mesinhas sob as cabanas de palha, peça um bom drink e aproveite para fazer um brinde às belezas de Itacaré. Muitas vezes, esse tour inclui também uma visita à Cachoeira do Tijuipe, que está localizada a apenas 8 km da Praia de Itacarezinho. Com boa infraestrutura, a Cachoeira do Tijuipe é o lugar ideal para toda a família. O banho é uma delícia e ótimo para tirar o sal da água do mar antes de voltar à pousada. A entrada para a Cachoeira do Tijuipe é R$ 13 e não está incluída no valor do tour.
Faça uma das trilhas para as praias de Itacaré
As praias são o objetivo de todo turista em Itacaré, mas o percurso para chegar até elas pode ser bem mais prazeroso que um simples trajeto de carro. Itacaré é cercada por intensa Mata Atlântica e há diversas trilhas que levam até as praias. As mais famosas são a Trilha das Quatro Praias (com acesso à Praia da Engenhoca, Praia Havaizinho, Praia Gamboa e Itacarezinho) e a Trilha da Prainha (que leva à Prainha e à Praia de São José). Além dos dois percursos mais populares, vale ainda fazer a trilha até a Praia de Jeribucaçu, percorrer a pé todas as praias urbanas e, se o pique permitir, caminhar por toda a extensão da Praia de Itacarezinho.
Praia de jeribucaçu
O visual de Jeribucaçu está entre os mais bonitos de Itacaré. A praia é cercada por mata virgem, tem lindo mar e é emoldurada por rochas que dão o toque de charme à paisagem. De quebra, para completar o cenário, os turistas ainda contam com um delicioso rio que cruza a faixa de areia e desemboca no mar, oferecendo de presente água doce em meio à praia. Jeribucaçu é daqueles pedacinhos de frente ao mar que dá vontade de andar e conhecer cada vez mais. A cada passo nessa maravilhosa praia, será possível vislumbrar um novo quadro ainda mais belo que o anterior. O passeio começa na trilha de acesso a partir do estacionamento, que corta a Mata Atlântica e leva os visitantes à praia depois de meia hora de caminhada. Uma trilha fácil e encantadora. Já na faixa de areia, Jeribucaçu mostra diversas facetas. Existe a praia principal, onde estão quiosques improvisados e cadeirinhas em meio ao encontro do mar com o rio. Logo ao lado, há ainda uma boa faixa de areia quase independente da primeira, repleta de grandes pedras e coqueiros. Mais adiante, seguindo a trilha, será possível ainda visitar a pequena Praia do Arruda, com formações de corais e piscinas naturais na maré baixa. Um pedacinho escondido, mas igualmente deslumbrante, da Praia de Jeribucaçu. Como chegar à Praia de Jeribucaçu Não há acesso para carro à Praia de Jeribucaçu. Para chegar até lá, será necessário deixar o veículo nas casas localizadas próximas ao início da trilha. A entrada até as casas é pela BA-001, a aproximadamente 10 km do centro de Itacaré. Há placas indicativas no caminho. Depois desse ponto, serão mais 4 km de estrada de terra até o estacionamento. O valor, por carro, é a partir de R$ 10 e pode variar na alta temporada. A partir do estacionamento, segue-se a trilha a pé por trinta minutos. O caminho não exige muito esforço, mas dificulta o acesso de pessoas com problemas de locomoção. Nesse caso, é importante avaliar se o trajeto final será possível.  O passeio para Jeribucaçu é vendido pelas agências com e sem a visita à Cachoeira da Usina, que tem acesso por trilha a partir da praia. Para quem não pretende fazer a trilha até a cachoeira, não há necessidade da contratação de guias. O tour, sem a cachoeira da Usina, tem custo entre R$ 45 e R$ 60. Praia de Jeribucaçu, Itacaré - BA                                                      
Quando ir a Itacaré
Itacaré é uma ótima pedida para dias de praia durante todo o ano. O clima é sempre quente e as chuvas são bem divididas ao longo dos meses. Alguns fatores, entretanto, podem mudar muito a experiência de viagem por Itacaré. Esse é o caso da alta temporada, que costuma lotar a cidade e deixar os preços mais altos. O mesmo vale para a variação de maré, que altera bastante o cenário das praias ao longo do mês e do dia, a depender da lua e da alta ou baixa maré. A temperatura em Itacaré varia pouco ao longo do ano. Os meses mais quentes coincidem com a temporada de verão e a média da temperatura máxima entre novembro e março oscila entre 28°C a 29°C, enquanto a mínima fica na casa de 23°C. Já os meses mais frios, marcados pelo inverno, têm máxima entre 24°C e 26°C e a mínima chega a 20°C.  Durante todo o ano, Itacaré recebe boa quantidade de chuva, mas raramente apresenta longos períodos de tempo fechado. Temporais rápidos ao longo do dia são comuns, mas o sol logo aparece para alegrar os turistas. Não há uma estação seca em Itacaré, mas sim um período que chove mais e outro que chove menos. Os meses marcados por menor incidência de chuvas são agosto, setembro e outubro, com índices que variam de 96 mm a 117 mm. Já os meses mais chuvosos são março, abril e novembro, com variações entre 146 mm e 164 mm.  Alta temporada em Itacaré A alta temporada em Itacaré é marcada pelos meses de verão e por todos os feriados prolongados que acontecem ao longo do ano. De dezembro até o Carnaval, Itacaré recebe um grande fluxo de turistas e a cidade fica lotada. As praias dificilmente ficam cheias, já que as faixas de areia são longas e sempre há um cantinho deserto para curtir. Ainda assim, os espaços à beira-mar com infraestrutura de quiosques e restaurantes costumam lotar.  A alta temporada marca não só o aumento de turistas, mas também o aumento de preços. Hospedagens, passeios e até mesmo restaurantes praticam valores mais elevados nos períodos em que há mais turistas na cidade. Para economizar e ver Itacaré mais tranquila, procure fugir do verão, meses de férias e feriados prolongados, como Carnaval, Semana Santa e Corpus Christ. Tábua de marés Todo o litoral da Bahia sofre grande influência das marés. A depender do período da visita a Itacaré, você poderá ver a mesma praia com paisagens bem diferentes. E a variação pode acontecer no mesmo dia, a depender da fase da lua. Nas luas crescente e minguante, a variação do nível da água do mar é menor e não há tanta diferença no mar. Já nas luas cheia e nova, a maré sofre grande variação; durante o mesmo dia, será possível ver o mar muito calmo, com formação de piscinas naturais e, na maré alta, com boas ondas e água que chega a cobrir as faixas de areia. Para identificar o horário e nível da maré em Itacaré, é necessário consultar a tábua de marés. Quanto menor o número indicado, mais baixa será a maré. E quanto mais baixa, mais fácil de ver as piscinas e o mar calmo. Por exemplo: Uma maré em 0,1 m é muito baixa. Já a maré em 2,2 m é muito alta. Para ver as piscinas, o ideal é que a maré esteja, no máximo, em 0,5 m. A maré baixa pode acontecer em até dois horários no mesmo dia, por isso é importante consultar a tábua antes de ir à praia. O melhor lugar para ver as piscinas naturais na região é a Península de Maraú, na Praia de Taipu de Fora. A partir de Itacaré, há diversos passeios que levam até a região para mergulhar nas piscinas. Uma ótima opção para um dia de tour.
Itacaré e Península de Maraú
Itacaré e Península de Maraú 1 Uma viagem conjugando dois grandes destinos próximos no litoral da Bahia: a bela e recentemente descoberta Itacaré e Península de Maraú. Itacaré tem belas praias com águas verdes e uma vilazinha com restaurantes e barzinhos. Itacaré e Península de Maraú 2 Maraú tem, na sua exuberante natureza e na sua sensação real de exclusividade, seu grande charme. Região há pouco virgem, entre Salvador e Ilhéus, na Bahia, Itacaré é uma cidade diferente - em beleza, cultura, geografia, filosofia. Suas praias são tão especiais que até pouco nem constavam dos mapas. São de areias brancas e cheias de coqueiros. Suas águas são verdes. A Mata Atlântica foi bastante preservada, criando um microclima na região, responsável pelas noites fresquinhas. Itacaré e Península de Maraú 3 Atrações são o movimento das jangadas, a tradicional capoeira e o deslumbrante pôr do sol, visto do porto. Os passeios de canoa pelo rio, as cachoeiras do rio de Contas e o footing por sua praça... Recentemente a estrada de terra que levava de Ilhéus a Itacaré foi transformada numa estrada-parque, valorizando ainda mais este paraíso. Itacaré e Península de Maraú 4 Maraú é talvez um dos maiores paraísos virgens do litoral da Bahia e, com toda certeza, um dos mais belos... Situada entre Ilhéus e Valença, entre a Baía de Camamú, e o Atlântico, a pouca distância de Itacaré, a Península de Maraú é um paraíso natural à espera de ser descoberto. Por pessoas escolhidas. Itacaré e Península de Maraú 5 Suas praias virgens orladas por coqueiros, suas piscinas de corais, suas cachoeiras que caem diretamente sobre o mar, a vilinha de pescadores e as lagoas de água doce quente que margeiam a península em seu sentido norte-sul, fazem desse pedacinho de Brasil um local extremamente privilegiado.
Prainha
A Prainha é uma das faixas de areia prediletas entre os turistas. A exuberância da paisagem ligada à dificuldade de acesso fazem da prainha uma das mais desejadas entre os visitantes que chegam a Itacaré em busca de cenários deslumbrantes. Quase deserta, cercada pela vegetação de Mata Atlântica e com a dose certa de coqueiros, a Prainha agrada especialmente aos turistas que buscam praias mais virgens e sem a interferência de construções, pousadas e restaurantes. O mar da Prainha atrai não só os amantes de praia, mas também os surfistas da região. Com boas ondas, a Prainha está entre as prediletas para os praticantes do surfe. É o lugar certo para entrar em contato direto com a natureza. Para quem se preocupa com o fato de a Prainha ser uma praia quase deserta, vale dizer que por lá há um pequeno quiosque com cardápio bastante restrito, onde é possível encontrar bebidas, açaí, queijo, cocada e frutas. O suficiente para não passar fome durante o dia. E claro que vale levar bebidas e comidas e fazer um delicioso piquenique de frente para o mar. O quiosque oferece também um pequeno banheiro que supre emergências. Quem estiver na Prainha poderá ainda conhecer a Praia de São José. A faixa de areia vizinha é uma ótima pedida para dividir o dia de passeio. A Praia de São José pode ser acessada por trilha a partir do canto direito da Prainha ou de carro, a partir do Condomínio Villa de São José. Como chegar à Prainha Não há acesso de carro até a Prainha e será necessário fazer ao menos uma caminhada para chegar até lá. Há duas maneiras diferentes para ir à Prainha, sendo a mais comum delas a trilha que tem duração de quarenta minutos. A outra forma de ir à Prainha é por uma trilha bem curta com acesso por dentro do Condomínio Villa de São José. Nesse caso, será necessário pagar o day use do restaurante local para acessar a trilha. A Trilha da Prainha está entre as mais populares de Itacaré e é um ótimo passeio para quem deseja aliar a praia à atividade física e passeio pela Mata Atlântica. É muito comum, ao visitar Itacaré, ouvir dizer que a trilha para a Prainha é muito perigosa e há risco de assaltos. A verdade, entretanto, é que houve muitos registros de assalto até 2013. Depois disso, não houve mais incidentes graves com turistas na trilha e apenas esporadicamente acontecem tais crimes. A fama, infelizmente, perdura até hoje. Atualmente, o trajeto da Trilha da Prainha é tranquilo e pode até mesmo ser percorrido sem o auxílio de um guia, apenas com a ajuda de aplicativos de locomoção em trilha. Caso não se sinta seguro, contrate uma agência de turismo ou um guia particular para fazer o passeio. O trajeto, de 3 km e com nível moderado de dificuldade, tem início no canto direito da Praia da Ribeira e segue em percurso pela mata por quarenta minutos, com passagens por rios e pequenas quedas d’água. Ao final, a vista panorâmica da Prainha é lindíssima e compensa todo o esforço. O custo do passeio para a Prainha, com guia particular, é a partir de R$ 25 por pessoa. Com agência, esse custo será mais alto e pode depender do número de turistas no grupo. Ainda que a trilha a partir da Praia da Ribeira seja o percurso mais conhecido, há uma maneira bem mais fácil de ir até esse paraíso. Para isso, será necessário pagar o day use do Restaurante Grauçá, localizado à beira da Praia de São José e com acesso particular pelo Condomínio Villa de São José. O custo do day use para quem não é morador do condomínio é de R$ 60 por pessoa, revertidos em consumação. A Praia de São José e a Prainha são vizinhas. A partir de dentro do condomínio, há uma trilha bem curta que leva à Prainha. Nesse caso, serão apenas dez minutos de caminhada até a faixa de areia. Muito mais fácil que a trilha de quarenta minutos e ainda com direito a curtir a deliciosa piscina à beira-mar do Restaurante Grauçá. Uma boa dobradinha para o dia de passeio.
Praia de Itacarezinho
A longa faixa de areia, com mais de 3 km, em nada combina com o nome de praia de Itacarezinho. De diminuto, esse grande paraíso de Itacaré não tem nada. A Praia de Itacarezinho é ampla, repleta de belos coqueirais e jeito de cenário praticamente intocado. Não fosse a presença do Restaurante Itacarezinho na ponta esquerda e do Txai Resort, ao centro, praia de Itacarezinho poderia ser considerada uma grande faixa de areia deserta. Ainda que os dois grandes complexos quebrem um pouco o clima bucólico, A praia de Itacarezinho oferece paz e tranquilidade em grande parte. Com forte influência da maré, a Praia de Itacarezinho pode, no mesmo dia, variar entre uma grande piscina ou um lindo mar repleto de boas ondas para a prática de surfe. Tudo depende da lua e da hora que você estiver por lá. Para passar o dia, aproveite as deliciosas cabanas de palha e lounges do Restaurante Itacarezinho, com cardápio refinado, pratos bem elaborados e uma grande infraestrutura. O lugar é ideal para quem não abre mão de serviço na praia. Bem pertinho do restaurante, na ponta esquerda da praia de Itacarezinho, uma pequena cascata oferece bom banho aos visitantes. Para quem prefere o clima deserto, basta deixar o carro no restaurante e seguir em caminhada rumo aos trechos mais distantes. Se o pique permitir, caminhe rumo ao lado direito da faixa de areia e vá até o encontro da praia com o Rio Tijuípe, onde será possível ainda curtir um banho de água doce.  Os mais aventureiros poderão conhecer a praia de Itacarezinho pela rota da Trilha das Quatro Praias, que passa também pela Praia da Engenhoca, Praia Havaizinho e Praia da Camboinha (ou Gamboa). Uma ótima pedida pra um dia inteiro de passeio, com direito a descanso final nesse paraíso de Itacaré. Veja mais sobre a Trilha das Quatro Praias. Como chegar à Praia de Itacarezinho O acesso mais fácil à Praia de Itacarezinho é pelo Restaurante Itacarezinho, onde os carros chegam quase à beira da areia. O lugar é particular e há cobrança de R$ 30 para o estacionamento. Pedestres têm acesso gratuito. Sendo assim, quem vai ao local de ônibus ou pela Trilha das Quatro Praias não terá que pagar nada. A estrada que leva à Praia de Itacarezinho é a BA-001. A entrada é sinalizada por placas e está a 15 km do centro de Itacaré. Para quem vai de ônibus, basta pegar o transporte que faz o trecho Itacaré-Ilhéus. Há uma parada de frente para a pista de acesso à praia. Nesse caso, a caminhada final será de meia hora.
Onde fica itacaré ?
O litoral da Bahia está repleto de destinos para quem gosta de curtir os dias aproveitando uma bela praia. Itacaré é um desses paraísos perdidos com praias cercadas por aéreas preservadas de Mata Atlântica. O destino ideal para praticar atividades de ecoturismo, para os amantes do surfe e para relaxar. Conheça todos os detalhes da cidade de Itacaré que está localizada no litoral sul da Bahia. Reunimos informações sobre como chegar, onde se hospedar, o que fazer em Itacaré e muito mais. Detalhes que são essenciais para que você possa planejar a viagem dos seus sonhos com a família ou uma viagem romântica a dois.   Como chegar em Itacaré   A cidade de Itacaré está localizada no litoral sul da Bahia, em uma faixa do litoral conhecida como a Costa do Cacau. Com 190 km de extensão a costa é composta pelos municípios de Itacaré, Canavieiras, Ilhéus, Itabuna, Una e Uruçuca. Itacaré está entre os destinos mais concorridos da Costa do Cacau, atraindo os amantes do surfe e do ecoturismo. A cidade está localizada às margens do Rio de Contas e é cercada por cinturão de Mata Atlântica. A cidade está ao sul de Salvador e a cerca de 70 km de Ilhéus, onde está localizado o aeroporto mais próximo. Que recebe diariamente voos das principais companhias aéreas tendo como origem São Paulo, Campinas, Brasília e Belo Horizonte. Depois é só seguir de transfer ou carro para a cidade de Itacaré pela BA-001, o trajeto tem dura aproximadamente uma hora e meia. A segunda opção é desembarcar no Aeroporto Internacional de Salvador, que está a cerca de 255 quilômetros de Itacaré. O percurso até Itacaré pode ser feito de carro ou transfer, serviço contratado a parte que faz o traslado do aeroporto até o hotel. Partindo de Salvador o trajeto até Itacaré dura aproximadamente 5 horas. Em Salvador os turistas também podem optar por pegar uma balsa até a Ilha de Itaparica, chegando lá basta seguir de carro até Itacaré.   As melhores praias de Itacaré   As praias são os principais atrativos de Itacaré, algumas mais urbanizadas e outras totalmente intocadas. Elas estão distribuídas pela orla de Itacaré, divididas em dois grupos: as praias urbanas e as praias selvagens. Os praias urbanas estão localizadas na parte central de Itacaré, sendo elas:   Praia da Coroa: localizada no ponto central da orla de Itacaré, com diversas embarcações atracadas e próxima casarões históricos. Entretanto o mar nesse trecho não é próprio para banho, por isso os turistas apenas aproveitam a extensa faixa de areia.   Praia das Conchas: também está localizada próximo a área central de Itacaré, oferecendo excelente estrutura para os turistas. Por isso recebe um maior fluxo de visitantes, principalmente durante as épocas de alta temporada no destino. Um dos destaques é o mirante que possui uma vista deslumbrante para a Praia da Coroa.   Praia do Resende: é uma das melhores praias da área central de Itacaré e está em uma área de proteção na cidade. A praia é cercada por coqueiros e um extenso gramado verde, o acesso é feito a pé a partir da rua principal da cidade. O mar é ideal para prática de surfe e em determinado trecho surgem piscinas naturais durante a maré baixa.   Praia de Tiririca: está a alguns minutos de caminhada pelo caminho das praias, sendo frequentada principalmente por surfistas. O mar com boas ondas atraem os praticantes de surfe e as barracas um publico mais jovem.   Praia de Ribeira: a praia está localizada em um trecho privilegiado da orla de Itacaré. Cercada por áreas preservadas de Mata Atlântica e um mar com poucas ondas, indicadas para surfistas iniciantes. Um dos destaques é a piscina de água doce formada pelo riacho do Rio Ribeira e a tirolesa que passa sobre a praia.   Praia do Costa: está localizada a cerca de 1 km do centrinho de Itacaré entre as praias Tiririca e Ribeira. É uma praia pouco frequentada por turistas e cercadas por coqueirais, que garantem um visual paradisíaco. O mar com forte correntezas não favorece o banho, por isso os turistas preferem aproveitar outros pontos da orla. Entretanto vale visitar a Praia do Costa para apreciar as belezas naturais da região. As praias selvagens estão mais afastadas da cidade, algumas são acessíveis apenas pelas trilhas da região. O que garantem aos turistas uma experiência incrível de total contato com a fauna e flora características da Mata Atlântica. Algumas delas são praticamente desertas durante a maior parte do ano, oferecendo pouca infraestrutura para os turistas. São 7 opções de praias selvagens para explorar durante a sua estadia em Itacaré:   Prainha: é o cartão postal de Itacaré devido as suas belezas naturais e está entre as praias mais bonitas do nordeste. É frequentada principalmente por turistas, e chamada atenção por ser cercada por coqueirais e áreas preservadas da Mata Atlântica. O acesso é feito através de uma trilha ecológica partindo da praia da Ribeira, são 40 minutos de caminhada.   São José: é uma praia localizada em uma área de preservação ambiental, para chegar na Praia de São José basta atravessar uma trilha ecológica que inicia na Prainha. Por lá está instalado um complexo turístico com alguns serviços e espaços de lazer, que podem ser utilizados pagando uma tarifa de day use. O mar possui ondas fortes, a faixa de areia é branquinha e está cercada por coqueirais.   Itacarezinho: a praia está localizada a 15 km ao sul de Itacaré e possui cerca de 3,5 quilômetros de extensão. O acesso é feito de carro através de uma estrada particular, onde está localizado um mirante com uma vista maravilhosa. O mar possui ondas e a faixa de areia está cercada por coqueirais característicos da região. Os turistas também ficam encantados a desova das Tartarugas Marinhas que começa no mês de setembro e termina em março.   Pontal: é uma praia de mar aberto localizado ao norte da cidade de Itacaré. A praia tem uma extensa faixa de areia cercada por coqueirais e mar com ondas fortes, ideais para prática de surfe. O trecho da praia que está próximo ao Rio de Contas possui águas mais calmas, onde os turistas aproveitam para praticar Standup Paddle.   Jeribucaçu: a praia é um dos cartões postais de Itacaré está localizada a cerca de 9 km do centro da cidade. O acesso é feito de carro pela estrada que leva os turistas até Ilhéus até um estacionamento, a partir desse ponto os turistas seguem por uma trilha. São cerca de 30 minutos de caminhada até chegar a praia de Jeribucaçu. O mar é propicio para prática de surfe, com ondas fortes principalmente no inverno.   Engenhoca: o acesso a essa praia é feito apenas a pé através de uma trilha que tem inicio no km 12 da rodovia BA-001. Os turistas chegam a Praia da Engenhoca após 20 minutos de caminhada por um trecho denso de Mata Atlântica. A praia é praticamente deserta, frequentada principalmente por surfistas, e possui pouca infraestrutura para atender os turistas. O mar com ondas é propício para prática de surfe, os banhistas devem ficar atentos a correnteza. No canto sul da praia é possível desfrutar de uma piscina de água doce tranquila.   Havaizinho: o acesso para essa praia é feito pela mesma trilha que leva os turistas a Praia de Engenhoca. A caminhada em mata fechada tem duração aproximada de 10 minutos. A praia é cercada por coqueirais, o mar possui ondas fortes e durante a maré baixa surgem extensas faixas de areia. É uma praia praticamente deserta com uma pequena estrutura onde os turistas podem comprar bebidas e água de coco.   As atividades de ecoturismo em Itacaré   As praias não são os únicos atrativos de Itacaré, os turistas também podem desfrutar de atividades tradicionais do ecoturismo. Já que a cidade está localizada em uma área privilegiada, em meio a extensas áreas de preservação da Mata Atlântica. Permitindo aos hóspedes a explorarem as trilhas ecológicas presentes na região, que terminam nas praias ou revelam belas cachoeiras. O rafting também está entre as principais atrações de ecoturismo em Itacaré. Os turistas vivem momentos de aventura no Rio das Contas, que conta com diversas corredeiras ao longo do seu percurso. O passeio tem duração aproximada de uma hora e meia, passando por quatro corredeiras diferentes. As cachoeiras também são excelentes atrativos para os turistas que viajam para Itacaré. Algumas estão entre as favoritas do visitantes:   Cachoeira do Tijuipe: está localizada na beira da rodovia BA-001, próxima a praia de Itacarezinho. O acesso é até a cachoeira é feito através de uma trilha curta, chegando lá os turistas se deparam com uma queda d’água de 4 metros de altura e 15 metros de largura. Aos pés uma piscina natural perfeita para banho.   Cachoeira da Usina: o acesso até essa cachoeira é feito através da trilha que leva a Praia de Jeribucaçu. A cachoeira fica abaixo de uma represa e possui cerca de 25 metros de altura.   Cachoeira das Quatro Quedas: o acesso até essas cachoeiras é feito apenas através do rio, uma experiência única para os turistas. Que podem optar por trafegar em barco, canoa, caiaque ou até mesmo praticando Standup Paddle. Apenas o trajeto até a cachoeira é uma atração a parte, repleto de paisagens inesquecíveis. Chegando lá os turistas se deparam com 3 quedas e piscinas naturais que convidam para um banho. Itacaré guarda atividades para todos os gostos, agradando os turistas mais aventureiros e aqueles que desejam apenas aproveitar as belas praias da região. Aproveitando a estadia na cidade para presenciar fenômenos únicos, como o período de desova das tartarugas marinhas. Que tem início no mês setembro e termina no mês de março.   Melhor época para viajar para Itacaré   A melhor época para viajar para Itacaré são os meses em que as chuvas quase não aparecem por lá. O que garante os momentos nas praias e os passeios ecológicos pela Mata Atlântica. O incidência de chuvas diminui nos meses de setembro e outubro, quando os dias ensolarados prevalecem em Itacaré. Quem quiser evitar os dias chuvosos deve excluir da programação o mês de Abril, período com mais dias chuvosos. Nos demais meses do ano pode chover ao longo do dia, mas a temperatura agradável colabora para que os passeios aconteçam normalmente.
Hostel em Itacaré
hostel em Itacaré não falta, mas é preciso ter alguns cuidados. Quando buscamos no google informações sobre o termo hostel em Itacaré temos inúmeros resultados pois a procura é realmente grande. Itacaré é um lugar muito especial e de clima muito agradável, assim como grande parte da Bahia. Sempre que possível as pessoas buscam por hostel em Itacaré para passar bons momentos e relaxar um pouco.  A região conta hoje com instalações e serviços de altíssima qualidade para quem procura sofisticação, privacidade, segurança e uma experiência de Itacaré realmente autêntica. O melhor de Itacaré é a sua natureza exuberante, por isso hostel em Itacaré é um termo muito procurado. O conjunto excepcional de matas, rios, cachoeiras, manguezais e praias possibilitam inúmeras experiências inesquecíveis. A harmonia da mata com cachoeiras e praias é das mais exóticas e belas já vistas no litoral brasileiro. É possível descobrir essas riquezas naturais com o apoio de guias especializados. Não importa em qual hostel em Itacaré você fique, não pode deixar de  experimentar a gastronomia. Os restaurantes de Itacaré propõem um cardápio variadíssimo de opções gastronômicas e prazeres gustativos, misturando sabores regionais com amostras de grande parte das culinárias do mundo. A qualidade dos produtos regionais e a abundância de peixes e frutos do mar, aliados ao talento de certos chefes, proporcionam aos visitantes experiências gastronômicas únicas. Hoje é possível passar uma semana em uma hostel em Itacaré visitando um restaurante diferente a cada jantar.
Os 8 melhores restaurantes de Itacaré
Para saber quais são os 8 melhores restaurantes de Itacaré não foi tarefa fácil, pois são muitos e quase todos eles poderiam estar entre os 8 melhores restaurantes de Itacaré. Para ser justo, utilizamos uma listagem feita por um famoso website de viagens. Vamos a lista! 8 melhores restaurantes de Itacaré: 1º Marleys Tapas Bar e Restaurante  8 melhores restaurantes de Itacaré: 2º ORLA 55  8 melhores restaurantes de Itacaré: 3º Bananas Café Gourmet 8 melhores restaurantes de Itacaré: 4º No Boteco  8 melhores restaurantes de Itacaré: 5º Aqua Restaurante 8 melhores restaurantes de Itacaré: 6º Tio Gu Creperia - Itacaré 8 melhores restaurantes de Itacaré: 7º Coco Pimenta 8 melhores restaurantes de Itacaré: 8º Jiló
(73) 3251-2527
(73) 9 9825-4455
Travessa Castro Alves, 7 - Centro
Itacaré - BAHIA, Brasil 45530-000
E-mail:
reservas@opharolhostelepousada.com
Travessa Castro Alves, 7 - Centro
Itacaré - BAHIA, Brasil 45530-000
 
(73) 3251-2527
(73) 9 9825-4455
 
E-mail:
reservas@opharolhostelepousada.com
O Pharol Hostel e Pousada
 
INÍCIO SOBRE NÓS ACOMODAÇÕES ATRATIVOS COMO CHEGAR RESERVAS BLOG FALE CONOSCO
Intuição Digital - Criação de site